Maceira

População: 229 Habitantes

Dista da Sede de Concelho: 10,6 km

Área: 8,06 km²

Orago: São Sebastião

Da origem e nome desta terra nada se sabe, mas deve ser antiquíssima; e a este respeito corre uma lenda que, embora sem verosimilhança, damos a título de curiosidade.
Conta-se que em tempos remotíssimos aqui veio parar uma caravana de gente nómada, vinda dos lados do norte, que acampou no sítio onde chamam os Lenteiros da Eira, a dois quilómetros da actual povoação, quase no limite de Peneverde. Aí se fixaram construindo tendas e cabanas de abrigo. Dedicavam-se à vida pastoril tentando a exploração agrícola do fértil vale ainda hoje conhecido pela antiquíssima denominação de Parredízio.
Como durante o dia só ficavam nas cabanas os velhos e as crianças, enquanto os homens válidos e as mulheres saíam para a pastoreação dos gados e trabalhos do campo, aconteceu que estes, ao regressarem à noite, a suas habitações, encontravam os seus filhos chupados de formigas e outros insectos que por ali abundavam.
Aterrados com o sucedido, que consideravam com castigo, recorreram às suas divindades que lhes aconselharam que levantassem arraiais e se dirigissem para a nascente, pois encontrariam não muito longe lugar mais aprazível e saudável onde se fixassem.
Efectivamente caminhando para a nascente logo encontraram um lindo campo de macieiras e que aqui se estabeleceram definitivamente, formando esta povoação a que se chamaram campo das macieiras, donde vem o nome de Maceira. No Cadastro da População do Reino (1527), ainda lhe chamam Macieyra.

Brasão:

Escudo de prata, uma bigorna e um pote de duas asas, ambos de negro, realçados de ouro; em chefe, armação de moínho de negro, cordoada do mesmo e vestida de azul; em campanha, ramo de macieira de verde, frutado de vermelho. Coroa mural de prata de três torres. Listel branco, com a legenda a negro: «MACEIRA - FORNOS de ALGODRES».

Bandeira:


Esquartelada de branco e azul, cordão e borlas de prata e azul, haste e lança de ouro.

Como Chegar a Maceira

Origem:
Por exemplo: Lisboa, PT

© Copyright - Município de Fornos de Algodres. Todos os direitos reservados. | Desenvolvido pela ADSI ligado ao beira.pt